fbpx
nimesulida para dor de dente

Nimesulida para dor de dente: funciona?

Cimelide, Nimesubal, Nisulid, Fasulide, Arflex… no fim, todos se tratam do mesmo remédio: Nimesulida para dor de dente. Porém, apesar de ser um remédio conhecido, muitos ainda têm dúvida sobre como ele funciona nesse caso.

  •     Está sem tempo de ler agora? Que tal ouvir o artigo? Experimente no player!

Bem, Nimesulida se trata de um anti-inflamatório e analgésico utilizado para alívio dos mais diversos tipos de dores. Além disso, é vendido como comprimido, cápsula, pomada, gota, granulado e supositório.

Mas como é usada a Nimesulida para dor de dente? Bem, prossiga com a leitura do artigo e entenda mais sobre esse remédio e sua utilização para aquela dor incômoda no dente!

Economize com dentista! Faça um plano odontológico pagando a partir de R$ 24,93 e tenha acesso a mais de 28mil dentistas no Brasil!


Nimesulida para dor de dente: funciona?

nimesulida para dor de dente

Nimesulida se trata de um remédio de atuação ampla, agindo no alívio dos mais diversos tipos de dores. Além disso, atua contra inflamação e febre, o que faz ser usado para dor de garganta, dor de cabeça, dores menstruais e dor de dente.

Contudo, é mais indicado para casos de dor aguda, principalmente pela sua ação anti-inflamatória e antipirética. Já sua forma em gel/pomada não é utilizada para dor de dente, já que é ligada ao alívio em tendões, ligamentos, músculos e articulações.

No entanto, é comum que seja usado em suas versões em gota ou comprimido, já que possui o princípio ativo cicloxigenase-2.

Como ele atua no organismo

A atuação da Nimesulida para dor de dente é simples, já que seu princípio ativo age diretamente no sistema nervoso central. O que ele faz é contribuir para síntese das prostaglandinas, substâncias relacionadas à inflamação.

Além disso, ele age diretamente nas partes do cérebro que funcionam como alertas de dor e impede fabricação de radicais livres.

Nimesulida para dor de dente: indicação de uso

A Nimesulida é indicada para casos de inflamações, dores e febres, sendo muito recomendada após tratamento odontológico. Contudo, não se trata de um medicamento de longa duração, sendo indicado, no máximo, até 7 dias de uso.

Além disso, não é uma das melhores indicações como primeira opção no tratamento, já que seu uso pode causar lesões hepáticas.

Dessa forma, contando com a orientação profissional, a posologia habitual é:

  • Comprimidos e cápsulas: 2 vezes/dia (de 12 em 12 horas, após as refeições);
  • Gotas: o recomendado é uma gota por cada quilo do peso corporal (2 vezes/dia);
  • Dispersíveis e granulado: dissolvidos em aproximadamente 10 mL de água (de 12 em 12 horas, após as refeições).

As informações são obtidas em sua bula, mas a indicação de tempo de uso é obtido através do médico. Dessa forma, não é recomendado o automedicamento por parte do usuário.

Além disso, se o problema persistir, busque um médico para identificar a causa e iniciar outro tratamento mais adequado.

Contraindicações da Nimesulida

A Nimesulida é contraindicada para crianças abaixo dos 12 anos de idade e mulheres grávidas ou em fase de amamentação. Além disso, não é recomendada para pessoas que possuam alergia a qualquer componente do medicamento.

Por fim, não é indicada para quem possui os seguintes problemas:

  • Úlcera no estômago;
  • Hemorragia no trato gastrintestinal;
  • Insuficiência cardíaca;
  • Insuficiência renal;
  • Insuficiência hepática grave.

Efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns de ocorrer são a diarreia, náusea e vômito. Já os mais raros são coceira, suor excessivo, rash, aumento de gases intestinais, prisão de ventre, gastrite, vertigens, tonturas, inchaço e hipertensão.

Contundo, é um dos medicamentos que menos acumula substâncias no rim, o que diminui seu risco de reações adversas. Além disso, seus efeitos são rápidos, agindo em menos de 15 minutos geralmente.

Nimesulida para dor de dente e plano odontológico: qual a relação?

Nimesulida é um remédio bastante comum de ser utilizado após um tratamento de canal, extração de siso ou apenas uma habitual dor de dente. Porém, é comum que o problema persista, e assim, é necessário a presença maior do dentista.

Contar com um plano odontológico garante que você tenha uma presença profissional em seu tratamento e a indicação da Nimesulida para dor de dente. Assim, se gera economia ao contar com tudo em um só.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *