Cuidados com os DentesTodos os PostsTudo Sobre Dor de Dente

Extração de dente: Saiba tudo sobre!

Extração de dente se trata de uma cirurgia para remoção de dentes que possuam algum problema, o que pode ocorrer por variadas causas. Nesse processo de remoção, pode ser retirado o dente inteiro, até a raiz, e isso pode trazer algumas complicações.

  •     Está sem tempo de ler agora? Que tal ouvir o artigo? Experimente no player!

Afinal, o dente é descolado da gengiva e separado do osso, o que configura esse processo como algo invasivo e que deixa um “buraco”. Até que se cicatrize, esse espaço vazio pode ter algumas complicações.

E se você quer entender o que ocorre durante e após a extração de dente, prossiga com a leitura do artigo!

Economize com dentista! Faça um plano odontológico pagando a partir de R$ 24,93 e tenha acesso a mais de 28mil dentistas no Brasil!


Por que ocorre a extração de dente?

A extração de dente pode ocorrer por inúmeros motivos. Por exemplo, podem ser removidos dentes que nasceram parcialmente, pois ali bactérias são capazes de se instalar, o que se estende para o osso adjacente.

Isso se torna um problema mais sério quando esse dente incluso permanece atravessando o tecido gengival, mesmo sem espaço para ele. Essa constante pressão acaba afetando raízes vizinhas, causando infecção, danos aos dentes e ossos adjacentes.

Além disso, outros motivos são:

  • Cárie bastante profunda no dente;
  • Infecção que destrói grande parte do dente ou osso adjacente;
  • Espaço insuficiente para todos os dentes.

Em casos como esses, é necessário a extração de dente.

Como ocorre a extração de dente?

No caso de ser necessário extração, o dentista fará antes uma revisão completa do seu histórico médico e dentário, promovendo radiografias necessárias. Essas radiografias acabam por revelar comprimento, formato e posição do dente e osso adjacente.

São essas informações que definem a dificuldade para extração de dente e se será necessário enviar a pessoa para um cirurgião-dentista.

Já no momento da extração, a área ao redor do dente é anestesiada, sendo utilizado um anestésico local que amortece a região. Após isso, o dente pode ser descolado do osso através de um tipo de alavanca, sendo extraído com fórceps dentário.

Em alguns, também é feito suavização e remodelação do osso que sustenta o dente extraído.

Feita a extração, é comum que o dentista feche o “buraco” com alguns poucos pontos cirúrgicos.

Quais as possíveis complicações após a cirurgia?

É comum que após a extração de dente ocorra dor e desconforto, além de sangramento enquanto o sangue não coagula. No entanto, casos de dor intensa ou prolongada, inchaço, sangramento ou febre devem ser motivos de consulta ao dentista.

Um problema mais sério é a alveolite, que ocorre quando o coágulo sanguíneo se desloca, se dissolve ou nem sequer se forma. Isso acaba por trazer exposição aos nervos e ossos, o que deixa eles abertos a uma infecção.

Ele pode ser causado por traumatismo ou força sobre alvéolo vazio, mas também conta com alguns fatores de risco que incentivam seu surgimento:

  • Possíveis infecções;
  • Falha nos cuidados necessários;
  • Tabagismo;
  • Contraceptivos bucais.

Uma vez que é comum que ocorra 5 dias após extração de dente, medidas simples podem evitar essa complicação.

Como evitar complicações?

Após o procedimento, é comum que o dentista passe alguns toques de como proceder após extração – de forma a evitar traumatismo ou infecção.

Fique em repouso

Dentro das 24 horas iniciais, você deve permanece em repouso absoluto – e dentro das 48 horas posteriores, você deve permanecer em repouso parcial. Isso significa ficar sentado ou deitado, com a cabeça mais alta que o restante do corpo.

Da mesma forma, evite falar ou mexer maxilar a toa. Se for possível, mantenha a boca fechada nas primeiras horas, mordendo a gaze para ela se manter na área operada.

Cuidado com alimentação

Evite alimentos quentes e sólidos e opte pelos líquidos e pastosos frios como gelatinas, sorvete, iogurte, sucos, etc. Após o primeiro dia, é possível ingerir alimentos mornos e com maior consistência, sempre usando o outro lado da boca.

Por último, não use de canudinho, pois a sucção pode criar uma ferida no local de extração, gerando sangramento.

Mantenha higienização

No primeiro dia, não limpe a região cicatrizada ou sequer bocheche. Nos dias seguintes, higienize com fio dental e escova macia, sempre escovando de forma suave a região cicatrizada.

Por fim, não use muita pasta de dente, mas use bastante de água (sem bochechar com força).

Pós extração do dente: Use gelo e medicamentos

Após extração, minimize o inchaço com compressas de gelo sobre a bochecha, bem em cima da região de extração, por 20 minutos. No entanto, nada de aplicar gelo diretamente.

Já os medicamentos são prescritos pelo dentista após extração de dente, sempre tomados de forma periódica.

Mostrar mais

Alexandre Putrick

Alexandre Putrick é especialista em produção de conteúdos focados na área de saúde bucal e é autor no Blog Minha Saúde Bucal. Possui centenas de conteúdos publicados em diversos portais, atuando hoje com foco no Blog Minha Saúde Bucal. Atualmente, produz conteúdos focados em auxiliar os leitores em cima de problemas odontológicos, mau hálito, dor de dente, tratamento de canal, gengiva, implantes, próteses, tratamento de canal e outros. Também é autor do BlogSaude.net.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar