Cuidados com os DentesTodos os PostsTudo Sobre Dor de Dente

Dente do juízo: quando é necessário extrair?

Quando chegamos a vida adulta, além dos problemas e responsabilidades que se apresentam, acabamos por nos deparar com alguns problemas específicos relacionados aos dentes, popularmente chamados de dente do juízo.

  •     Está sem tempo de ler agora? Que tal ouvir o artigo? Experimente no player!

Existem muitos nomes para ele, mas tecnicamente é conhecido como dente siso. Estes geralmente despontam na vida adulta, ocasionando muitos transtornos para algumas pessoas, o que pode gerar muitas dúvidas.

Por ser um dente que nasce na vida adulta, muitos se questionam se realmente é necessário mantê-lo, ou ainda, se todos podem ser arrancados, afinal, é um dente que ninguém conhece muito a sua utilidade.

Economize com dentista! Faça um plano odontológico pagando a partir de R$ 24,93 e tenha acesso a mais de 28mil dentistas no Brasil!


Qual a importância do dente do juízo na boca?

dente do juízo

Cada dente possui uma função importante na boca, geralmente os molares têm a função de triturar os alimentos e auxiliar no processo mastigatório. Sendo assim, o siso não é diferente, ele é o terceiro molar e auxilia na mastigação.

No entanto, o principal problema do siso não é a sua localização, mas o espaço, visto que este surge apenas na vida adulta e nem sempre há espaços na boca para que eles possam se acomodar.

Além disso, é importante esclarecer que nem todas as pessoas desenvolvem os dentes sisos ou dentes do juízo. Estes podem não nascerem, se nascerem, não nascerem todos, afinal, são quatro, dois superiores e dois inferiores.

Contudo, o que naturalmente acontece é que os quatro surgem durante a fase adulta e é por isso que chamam de dente do juízo, pois é quando a vida adulta começa que estes se apresentam, remetendo a responsabilidade.

Quais os problemas podem ocorrer com os dentes do juízo?

Como mencionamos, anteriormente, o que pode ocorrer é que ao nascer não haja espaço, ocasionando dor, pois este empurrará os demais para que possa nascer.

Além disso, mesmo que consiga nascer, é importante mencionar que é um dente que ficará em um local de difícil acesso, o que pode prejudicar na hora da escovação, podendo gerar problemas com relação a infecções e bactérias.

É por isso que muitos dentistas incentivam logo a retirada do dente do juízo, visto que geralmente este ocasiona transtorno tanto ao nascer quanto para mantê-lo saudável na boca.

Quando é necessário extrair?

É importante esclarecer que se houver um acompanhamento no dentista desde a infância, é possível identificar na adolescência se este será ou não necessário extrair.

Geralmente na adolescência, eles começam a se apresentar, embora só nasçam na vida adulta. Nestes casos, é mais aconselhado a retirada ainda na adolescência, visto que o tecido ao redor do dente é mais maleável.

No entanto, a análise vai variar de um caso para outro, sendo o dentista o principal responsável por analisar e apresentar as alternativas para o paciente. Se a preferência da retirada for na vida adulta, pode ocorrer sem problemas.

Contudo, é importante enfatizar que o dente do juízo pode prejudicar a arcada dentária, pois ao tentar nascer, irá empurrar os demais dentes, o que pode gerar muita dor, além de ser mais dolorosa a retirada do dente na vida adulta.

Muitas pessoas quando possuem os 4 dentes do juízo, ficam na dúvida se precisam retirar os quatro de uma vez só, ou se será um por vez. A indicação clínica é que seja de uma vez só, para que a recuperação seja única.

Conclusão

Sabemos que são muitas questões que são difíceis de prever antes de acontecerem, por isso, é importante que o paciente faça um acompanhamento odontológico desde cedo, ou seja, desde a infância.

Com isso, será possível avaliar bem o histórico, analisar se será possível extrair ou não o dente do juízo, antes que este cause qualquer problema aos demais dentes da boca.

Etiquetas
Mostrar mais

Alexandre Putrick

Alexandre Putrick é especialista em produção de conteúdos focados na área de saúde bucal e é autor no Blog Minha Saúde Bucal. Possui centenas de conteúdos publicados em diversos portais, atuando hoje com foco no Blog Minha Saúde Bucal. Atualmente, produz conteúdos focados em auxiliar os leitores em cima de problemas odontológicos, mau hálito, dor de dente, tratamento de canal, gengiva, implantes, próteses, tratamento de canal e outros. Também é autor do BlogSaude.net.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar