fbpx
dente de leite tem raiz

Dente de leite tem raiz ou não?

Como os dentes de leite caem?”, “Dente de leite tem raiz?”. Essas são duvidas comuns que temos sobre os nossos dentes. Quer descobrir? Continue lendo esse artigo.

  •     Está sem tempo de ler agora? Que tal ouvir o artigo? Experimente no player!

O que são dentes de leite?

dente de leite tem raiz

Os dentes decíduos, que são popularmente conhecidos como dentes de leites, fazem parte do primeiro conjunto de dentes que temos. Isso mesmo, aqueles dentinhos que surgem lá por volta do nosso primeiro ano de vida e que começam a se despedir por volta dos 6 anos, são os chamados dentes de leite.

O nosso primeiro conjunto dentário é formado por 20 dentes de leite. Com eles, funções fala e digestão se tornam muito mais fáceis. Além disso, os dentes de leite auxiliam no desenvolvimento dos músculos e ossos da nossa face.

No entanto, está enganado quem pensa que ele só passa a se desenvolver após o nosso nascimento. Na verdade, o desenvolvimento dentário começa durante o período embrionário. Porém, os dentes só se tornam visíveis, por meio da erupção dentária, durante a infância.

Economize com dentista! Faça um plano odontológico pagando a partir de R$ 24,93 e tenha acesso a mais de 28mil dentistas no Brasil!


Mudança da dentição

A mudança da dentição, substituição dos dentes de leite para os dentes permanentes, acontece na infância também. Os 20 dentes de leite passam a ser, em média, 32 dentes permanentes.

Todavia, vale a pena frisar que, por mais que os dentes de leite sejam temporários, o pensamento de que eles são frágeis não deve ser levado ao pé da letra.

Na verdade, em caso da ausência da troca da dentição, os dentes de leite podem ser conservados e irão continuar a sua função durante muitos anos – de acordo com os cuidados tidos com eles.

Mas, afinal, dente de leite tem raiz ou não?

Sim, os dente de leite tem raiz. Sem a raiz, os dentes decíduos não teriam como se fixar no tecido alveolar.

Acontece que, quando o dente permanente está em formação, ocorre, ao mesmo tempo, a reabsorção da raiz do dente de leite pelo nosso organismo. Esse processo ajuda, indiretamente, na formação de um dente permanente.

Reabsorvida, como assim?

Isso mesmo, a raiz do dente de leite sobre um processo chamado rizólise, no qual a raiz do dente de leite “some”, ou seja, é reabsorvido pelo nosso organismo. A rizólise é fundamental para que os dentes permanentes emerjam.

O atraso nesse processo de reabsorção pode ocasionar danos aos dentes permanentes. Por isso é muito importante que, ao notar o atraso desse processo, um especialista seja consultado.

Cuidados com o dente de leite

Para que o processo de troca de dentição, bem como os cuidados com a raiz, ocorra da melhor forma possível, é muito importante estar em dia com o dentista.

Ao contrário do que se pensa, crianças que ainda estão com os dentes de leite devem ir ao dentista sim. Afinal, os cuidados com os dentes de leite influenciaram na saúde dos dentes permanentes que estão se formando.

Como cuidar dos dentes sem grandes gastos?

Para começar a cuidar da saúde bucal desde cedo, a contratação de um plano odontológico é, sem dúvida a melhor solução. Com um plano odontológico, é possível manter a saúde bucal sua e de sua família sempre em dia.

Além do mais, tendo um plano odontológico você economizará muito em consultas, procedimentos e exames. Sairá muito mais barato do que consultas, exames e procedimentos particulares.

Sem contar que, no caso de alguma emergência, você terá atendimento especializado. E isso sem precisar ficar aguardando semanas ou meses por uma consulta.

E, ainda, com um plano odontológico, você e sua família não terão desculpas para não ir ao dentista. Os eventuais problemas bucais serão prevenidos, e seus gastos diminuirão mais ainda. Então, está esperando o que para contratar o seu plano odontológico?!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *