fbpx
céu da boca

Céu da boca inflamado: causas, sintomas e tratamento!

A boca é um órgão do nosso corpo muito sensível, pois ela funciona como a porta de entrada para o organismo, seja para coisas boas ou ruins. Dessa forma ela está sujeita a várias doenças, assim como o céu da boca inflamado.

  •     Está sem tempo de ler agora? Que tal ouvir o artigo? Experimente no player!

Mas, o que pode causar isso? Quais os sintomas e como tratar? É o que você verá nesse artigo.

Reunimos as principais informações para esclarecer dúvidas relacionadas ao assunto, confira:

Economize com dentista! Faça um plano odontológico pagando a partir de R$ 24,93 e tenha acesso a mais de 28mil dentistas no Brasil!


Céu da boca inflamado, o que fazer?

céu da boca

O céu da boca possui glândulas suscetíveis à inflamação por conta de vários fatores como ferimentos, queimaduras, e outras doenças na região da boca que podem afetar o céu da boca.

No entanto, também pode ser uma resposta do organismo sobre algo mais serio, portanto, é preciso investigar.

Nesse contexto, trouxemos nesse artigo alguns exemplos do que pode causar a inflamação na parte superior da boca, vejamos.

Causas do céu da boca inflamado

Um alimento rígido como o torresmo, ou uma espinha de peixe, podem causar pequenas ranhuras no céu da boca, por exemplo, e causar inflamações.

Mas o problema pode ser muito mais sério do que isso, as feridas bucais podem surgir por conta de medicamentos, tabagismo, infecções virais, doenças sistêmicas, ou estomatite (aftas). Doenças muitas vezes relacionadas à baixa imunidade.

Algumas alterações hormonais, bem como a falta de acido fólico e vitamina B12 podem contribuir para o surgimento de infecção na boca.

Sintomas

É possível perceber os sintomas mais simples de irritação no céu da boca, causada por arranhões ou alergia a certos alimentos, quando passamos a língua e sentimos certa sensibilidade.

Assim como quando bebemos água, café, e sentimos uma ardência na região da boca. Esses sintomas podem desaparecer em poucos dias.

Entretanto, quando você começar a sentir febre, bolhas na pele, irritação nos olhos e esses sintomas não passam após 15 dias, deve-se consultar um médico.

Tratamento do céu da boca inflamado

Para saber qual tratamento realizar para combater a inflamação no céu da boca, primeiro é preciso identificar a causa, e isso, só o médico pode fazer. Principalmente em casos extremos.

Porém, podemos adiantar que se for o caso de infecção por bactérias, fungos, e outros vírus, o tratamento inicial é com o uso de antibióticos.

Vale ressaltar que não se deve tomar medicamento sem a prescrição de um médico, principalmente antibióticos.

Prevenção e cuidados com a saúde bucal

Para evitar que o céu da boca fique inflamado, além de cuidar da higiene bucal corretamente, escovando os dentes regularmente após as principais refeições, fazer uso de fio dental e enxaguantes bucais sem álcool, é preciso cuidar da imunidade.

Muitas vezes, as feridas na boca são causadas por baixa imunidade ou problemas hormonais, como citamos anteriormente. Dessa forma, a principal maneira de evitar essa situação é cuidando da alimentação.

Tenha uma dieta balanceada e com baixo consumo de alimentos com alto teor de acidez, quentes demais, e de difícil mastigação. Também visite o seu dentista periodicamente.

Caso tenha problemas com o tabagismo, procure tratar o vício, o tabaco é prejudicial a saúde, não só da boca, mas de todo o organismo corporal.

Considerações finais

As aftas ou estomatite são causadas comumente por índices elevados de acidez estomacal e na boca. Para evitar o surgimento delas, além da atenção com a alimentação, você pode fazer bochecho com bicarbonato de sódio, ou consumir, moderadamente, vinagre de maçã nos alimentos.

Contudo, qualquer inflamação, infecção, irritação pelo nosso corpo, é uma resposta do organismo a alguma invasão no sistema celular. É preciso estar atento aos sintomas e fazer uma avaliação médica. Céu da boca inflamado pode ser mais do que apenas uma irritação, portanto cuide-se.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *