Cuidados com os DentesTodos os PostsTudo Sobre Dor de Dente

Arrancar dente: Saiba tudo sobre!

Sabemos que cuidar dos dentes é algo essencial, por isso, muitas pessoas se preocupam em mantê-los saudáveis em sua boca. No entanto, nem sempre é possível e, em alguns casos, é necessário arrancar dente.

  •     Está sem tempo de ler agora? Que tal ouvir o artigo? Experimente no player!

A extração dentária em outros tempos era muito comum, pois antigamente não existiam os tratamentos dentários que temos atualmente. E quando o dente estava ocasionando dor ou estava estragando, era imediatamente retirado.

Atualmente é muito difícil ocorrer uma extração, geralmente é o último recurso realizado pelo dentista, visando manter o resto da boca do paciente saudável. Sendo assim, quando é que deve ser arrancado? 

Economize com dentista! Faça um plano odontológico pagando a partir de R$ 24,93 e tenha acesso a mais de 28mil dentistas no Brasil!


Arrancar dente: quando será necessário?

arrancar dente

Como mencionamos, há algumas décadas, no tempo dos nossos pais ou avós, era muito comum que houvesse a extração dos dentes. Em alguns casos, isso era feito muito cedo, às vezes na adolescência.

Quando os dentes eram arrancados, em alguns casos, todos eram arrancados, para que fossem substituídos por uma prótese, mais conhecida como dentadura. Naquela época, não havia um cuidado e nem tratamento adequado.

Assim, com o passar do tempo, as técnicas e os cuidados com os dentes foram evoluindo, à medida que os dentistas hoje preferem salvar o dente a todo custo, evitando que este seja retirado e, se for retirado, só em último caso.

Os critérios para extração são bastante rigorosos, sendo possível arrancá-los só quando se tratarem dos dentes sisos, em casos graves de cáries, infecção e periodontite, diabetes, traumas e ortodontia.

Portanto, antes de qualquer coisa, é importante que haja uma boa higienização bucal, um acompanhamento regular ao dentista para que este possa avaliar criteriosamente se haverá ou não a necessidade de retirar um dente.   

Quais são os critérios para extrair os dentes?

Os critérios são bastante rigorosos, como mencionamos anteriormente, conheçamos detalhadamente mais abaixo sobre eles:

  • Dentes sisos – Estes são os últimos dentes a nascer, geralmente surgem na vida adulta, também conhecidos como dentes do juízo. O que ocorre é que nem sempre estes possuem espaços para nascer.

Assim, como não há espaço, os dentes sisos acabam empurrando os demais, ou simplesmente aparecem apenas uma parte, ocasionando infecções que se não forem tratadas podem gerar o óbito do paciente;

  • Cáries, infecção e periodontite – Os dentes estão inseridos no osso maxilar, entre o osso e o dente existem ligamentos, que são os condutos da gengiva, sendo a estrutura periodontal.

Se esta estrutura for acometida de uma doença profunda ou infecciosa, podendo ocasionar a possível extração do dente. É importante lembrar que as estrutura dos dentes estão interligadas.

Quando não temos uma boa higiene bucal, os dentes podem ter cárie, que pode se tornar profunda, quando atingir o nervo, este pode necrosar e ocasionar a extração do dente.

  • Diabetes – A outra situação que pode gerar a necessidade de extrair o dente, é a diabetes, será analisada de acordo com a situação de cada paciente;
  • Traumas – Quando ocorrem acidentes que ocasionam traumas que quebram ou ocasionam a retirada total do dente, será analisada a possibilidade de manter, recuperar ou não o dente;
  • Ortodontia – Em alguns casos, devido à estética, melhoria na mastigação ou na fala, será necessário a extração do dente para que os demais possam ser alinhados conforme o uso de aparelho dentário.

Conclusão

Desta forma, compreendemos que a retirada de um dente ocorre sempre em circunstâncias extremas, quando realmente não há mais nada que possa ser feito para salvar o dente ou mesmo quando prejudica a saúde.

Arrancar dente é algo muito sério, mesmo quando estes ainda são de leite, é importante procurar um profissional para realizar da forma correta. Portanto, a higiene e o acompanhamento dentário deve ser desde cedo.

Etiquetas
Mostrar mais

Alexandre Putrick

Alexandre Putrick é especialista em produção de conteúdos focados na área de saúde bucal e é autor no Blog Minha Saúde Bucal. Possui centenas de conteúdos publicados em diversos portais, atuando hoje com foco no Blog Minha Saúde Bucal. Atualmente, produz conteúdos focados em auxiliar os leitores em cima de problemas odontológicos, mau hálito, dor de dente, tratamento de canal, gengiva, implantes, próteses, tratamento de canal e outros. Também é autor do BlogSaude.net.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar